Piadinhas pra contar no bar

by

Um casal estava preocupado em ter o melhor detergente para limpeza e o vizinho disse:
– O melhor detergente de limpeza é a bebida.
– Como assim? – perguntou o marido e o vizinho responde:
– A bebida limpa o dinheiro, limpa a fama, limpa o juizo, limpa a beleza, limpa a fortuna, limpa o stress e sobretudo, limpa o tesão
 
Certa tarde, uma bem sucedida advogada estava sendo conduzida em sua limusine para seu sítio quando observou dois homens maltrapilhos comendo grama ao lado da estrada.
Ela ordenou imediatamente ao motorista que parasse, saiu do veículo e perguntou:
– Por que vocês estão comendo grama?
– Porque nós não temos dinheiro para comprar comida respondeu um dos homens.
– Bem, você pode vir comigo para o sítio – disse a advogada.
– Senhora, eu tenho uma esposa e três filhos aqui.
– Traga-os também – replicou a advogada.
– E quanto ao meu amigo?
A advogada virou-se para o outro homem e disse:
– Você pode vir também.
– Mas, senhora, eu também tenho esposa e seis filhos – disse o segundo homem.
– Eles podem nos acompanhar também – disse a advogada enquanto se dirigia de volta à limusine.
Todos se acomodaram como puderam na limusine e, quando já estavam a caminho, um dos acompanhantes disse:
– A senhora é muito gentil. Obrigado por levar a gente com a senhora.
A advogada respondeu:
– De nada. Vocês vão adorar meu sítio. A grama está com quase um metro de altura.


Um homem jovem estava fazendo compras no supermercado, quando notou que uma velhinha o seguia por todos os lados.
Se ele parava, ela parava e ficava olhando para ele.
No fim, já no caixa, ela se atreveu a falar com ele, dizendo:
– Espero que não o tenha feito se sentir incomodado; mas é que você se parece muito com meu filho que faleceu.
O jovem, com um nó na garganta, respondeu que estava bem, que não havia problema.
A velhinha lhe disse:
– Quero lhe pedir algo incomum.
O jovem lhe respondeu:
– Diga-me, em que posso ajudá-la?
A velhinha falou que queria que ele lhe dissesse ‘Adeus, Mamãe’ quando ela fosse embora do supermercado.
– Isso me fará muito feliz, disse.
O jovem, sabendo que seria um gesto que encheria o coração e espírito da velhinha, aceitou.
Então, enquanto a velhinha passava pela caixa registradora, se voltou sorrindo e, agitando sua mão, disse:
– ADEUS, FILHO!
Ele, cheio de amor e ternura, lhe respondeu efusivamente:
– ADEUS, MAMÃE..
O homem, contente e satisfeito pois, com certeza, havia dado um pouco de alegria à velhinha, continuou pagando suas compras.
– São R$ 554,00, lhe disse a moça do caixa.
– Por que tanto se só levo cinco produtos?
E a moça do caixa lhe disse:
– Sim, mas sua MÃE disse que você pagaria pelas compras dela também.
Moral da história:
Não confie em nenhuma velha de merda que se aproxime de você em algum supermercado!

Uma resposta to “Piadinhas pra contar no bar”

  1. Thomas Says:

    UHAAhuhAUHaAUHahuUAHUAh

    boas boas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: